Grêmio encaminha 9ª semifinal de Libertadores. Cruzeiro e Palmeiras tentam a 7ª

Com a vitória de 2×0, fora de casa, sobre o Atlético Tucumán, no jogo de ida das quartas-de-final da Libertadores 2018, o Grêmio encaminhou sua vaga à semifinal. Pode até perder, em Porto Alegre, por 1 gol de diferença.

Se o clube confirmar a vaga às semifinais, será a nona chegada gremista a esta fase da competição, em 18 participações – 50% de aproveitamento no quesito. O Tricolor Gaúcho superaria o Santos e encostaria no São Paulo, o clube brasileiro que mais vezes foi a esta fase: 10.

As duas primeiras participações do Grêmio na semifinal da Libertadores foram ainda no período dos triangulares, quando 6 equipes disputavam duas vagas na decisão. O Grêmio foi o campeão em 1983 e, assim, garantiu vaga direta na semifinal de 1984. Foram mais duas semifinais gremistas nos anos 90 e, neste século, já foram 4.

Mesmo com apenas uma chegada à semifinal nos últimos 30 anos, o Peñarol segue como clube com mais semifinais: 20 no total. Na sequência, aparece o River Plate, com 17. Em terceiro, outro clube que está na disputa da atual edição, o Boca, com 15. Pegando apenas o período do mata-mata, desde a introdução das oitavas-de-final, em 1988, River e Boca foram os que mais chegaram, 9 vezes.

Cruzeiro e Palmeiras, os outros brasileiros nas quartas da Libertadores 2018, tentam chegar à semifinal pela sétima vez. A última vez do Cruzeiro foi em 2009, quando acabou vice-campeão. Para o Palmeiras, a última vez foi em 2001.

Importante para entender o ranking:

– A partir de 1962, o atual campeão passou entrar direto na semifinal, o que durou até 1987. Com asterisco, o ano em que a equipe em questão defendeu o título.

– Da primeira edição, em 1960, até 1970, as semifinais foram em mata-mata, envolvendo 4 clubes, com exceção de 1966 e 1967, quando 7 times disputavam a fase: uma chave de 4 equipes e uma de 3 times.

– De 1971 a 1987, seis clubes disputavam a semifinal, em 2 triangulares.

RANKING DE SEMIFINALISTAS DA LIBERTADORES – TODOS OS TEMPOS

20 VEZES
Peñarol (URU) – 1960, 1961, 1962*, 1963, 1965, 1966, 1967, 1968, 1969, 1970, 1972, 1974, 1976, 1979, 1981, 1982, 1983*, 1985, 1987, 2011

17 VEZES
River Plate (ARG) – 1966, 1967*, 1970, 1976, 1978, 1982, 1986, 1987*, 1990, 1995, 1996, 1998, 1999, 2004, 2005, 2015, 2017

15 VEZES
Boca Juniors (ARG) – 1963, 1965, 1966, 1977, 1978*, 1979*, 1991, 2000, 2001, 2003, 2004, 2007, 2008, 2012, 2016

13 VEZES
Nacional (URU) – 1962, 1964, 1966, 1967, 1969, 1971, 1972*, 1980, 1981*, 1983, 1984, 1988, 2009

12 VEZES
Independiente (ARG) – 1964, 1965*, 1966*, 1972, 1973*, 1974*, 1975*, 1976*, 1979, 1984, 1985*, 1987
Olímpia (PAR) – 1960, 1961, 1979, 1980*, 1982, 1986, 1989, 1990, 1991, 1994, 2002, 2013

10 VEZES
América de Cali (COL) – 1980, 1983, 1985, 1986, 1987, 1988, 1992, 1993, 1996, 2003
São Paulo (BRA) – 1972, 1974, 1992, 1993, 1994, 2004, 2005, 2006, 2010, 2016

8 VEZES
Barcelona (EQU) – 1971, 1972, 1986, 1987, 1990, 1992, 1998, 2017
Grêmio (BRA) – 1983, 1984*, 1995, 1996, 2002, 2007, 2009, 2017
Santos (BRA) – 1962, 1963*, 1964*, 1965, 2003, 2007, 2011, 2012

6 VEZES
Cerro Porteño (PAR) – 1973, 1978, 1993, 1998, 1999, 2011
Cruzeiro (BRA) – 1967, 1975, 1976, 1977*, 1997, 2009
Estudiantes (ARG) – 1968, 1969*, 1970*, 1971*, 1983, 2009
Internacional (BRA) – 1977, 1980, 1989, 2006, 2010, 2015
Palmeiras (BRA) – 1961, 1968, 1971, 1999, 2000, 2001

5 VEZES
Atl. Nacional (COL) – 1989, 1990, 1991, 1995, 2016
Colo-Colo (CHL) – 1964, 1967, 1973, 1991, 1997
Univ. Católica (CHL) – 1962, 1966, 1969, 1984, 1993

4 VEZES
Deportivo Cali (COL) – 1977, 1978, 1981, 1999
San Lorenzo (ARG) – 1960, 1973, 1988, 2014
Univ. de Chile (CHL) – 1970, 1996, 2010, 2012
Universitario (PER) – 1967, 1971, 1972, 1975

3 VEZES
América (MEX) – 2000, 2002, 2008
Chivas (MEX) – 2005, 2006, 2010
Cobreloa (CHL) – 1981, 1982, 1987
Flamengo (BRA) – 1981, 1982*, 1984
LDU (EQU) – 1975, 1976, 2008
Millonarios (COL) – 1960, 1973, 1974
Newell’s (ARG) – 1988, 1992, 2013
Racing (ARG) – 1967, 1968*, 1997
Vélez Sarsfield (ARG) – 1980, 1994, 2011

2 VEZES
Alianza Lima (PER) – 1976, 1978
Argentinos Juniors (ARG) – 1985, 1986*
Atlético Mineiro (BRA) – 1978, 2013
Bolívar (BOL) – 1986, 2014
Botafogo (BRA) – 1963, 1973
Corinthians (BRA) – 2000, 2012
Guaraní (PAR) – 1966, 2015
Libertad (PAR) – 1977, 2006
Rosario Central (ARG) – 1975, 2001
Santa Fe (COL) – 1961, 2013
Unión Española (CHL) – 1971, 1975

1 VEZ
Atlético Paranaense (BRA) – 2005
Atlético San Cristóbal (VEN) – 1983
Blooming (BOL) – 1985
Cruz Azul (MEX) – 2001
Cúcuta (COL) – 2007
Danúbio (URU) – 1989
Defensor (URU) – 2014
Defensor de Lima (PER) – 1974
El Nacional (EQU) – 1985
Emelec (EQU) – 1995
Fluminense (BRA) – 2008
Guarani (BRA) – 1979
Huracán (ARG) – 1974
Indep. Del Valle (EQU) – 2016
Indep. Medellín (COL) – 2003
Jorge Wilstermann (BOL) – 1981
Junior (COL) – 1994
Lanús (ARG) – 2017
Nacional (PAR) – 2014
O’Higgins (CHL) – 1980
Once Caldas (COL) – 2004
Palestino (CHL) – 1979
Portuguesa (VEN) – 1977
São Caetano (BRA) – 2002
Sporting Cristal (PER) – 1997
Tolima (COL) – 1982
Tigres (MEX) – 2015
Univ. Los Andes (VEN) – 1984
Vasco (BRA) – 1998

Fotos: Lucas Uebel/Grêmio e César Greco/Ag. Palmeiras/Arquivo

 

 

Inscreva-se no canal Risobol no YouTube e ouça o Fodcast (o F é de Futebol)

CamisetasGozadas.com.br (clique na imagem para acessar a página do Facebook)

Curta a página RISOBOL no Facebook

Curta, no Facebook, a página FRASES FAMILY GUY

Siga, no Instagram, MELHORES DO STAND UP

Deixe uma resposta